sábado, junho 07, 2008

[ Mundo ] God bless you, Amy



Alguns preferem falar dos seus dentes; outros, das marcas de pico no seu pescoço e muitos procuram morbidamente pela internet seu "manual-prático-visual de auto-destruição": eu prefiro a voz, seu timbre, o ritmo, a música.
"Tears dry on their own" é um clássico com apenas 1 ano de idade. Imagino daqui a 30 anos alguém vendo esse vídeo e terá a mesmíssima sensação que tenho quando assisto um clip de Marvin Gaye & Temmy Tarrel, ou Billie Holliday e Lester Young.
Sim, vivemos em uma época de merda. Mas pelo menos é a época de Amy Winehouse.
É a maior cantora de soul surgida nas últimas quatro décadas e ela não precisará morrer para que se lembrem disso.
God bless you, Amy

3 comentários:

Carlo alessandro disse...

Que honra poder acompanhar seus textos e que "onda" poder compartilhar das tuas idéias.É isso aí, brou!

Agnes disse...

Essa mulher é fantástica! Espero um dia ter o prazer de assisti-la ao vivo. Vida longa à Amy!

nille disse...

Q bom ler isso aqui! alguem tinha q comentar!