segunda-feira, setembro 29, 2008

Juvenal Skateboarding

Este fin de semana fuímos a patinar en skate en la zona de Canyelles en Barcelona. Vamos a empezar a grabar un vídeo del colega Rafa "Ocrin", el joven que ven dandolo todo en la foto abajo:









Las fotos son del amigo Cassio Bossert.
Más en el Albun Flickr: Galera Juvenal

sábado, setembro 27, 2008

Contrabanda e o Exu

Contrabanda e uma radio independente de Barcelona que tive o prazer de descobrir a pouco com a apresentação do conto Exu, de minha amiga Monica.
Monica esta fazendo uma serie de contos sobre os orixas, e Exu foi o primeiro.
Ela, Coque e Alessandra apresentaram o conto neste programa:
http://nosolojazz.contrabanda.org/?p=177 com o titulo: Exu, la alegria
O programa tem 2 horas e conta com as sonoridades de Milton, Bethania,As Mercenarias,Asian dub...etc
Para quem tiver tempo e divertido e passa rápido.
Vai la...

sexta-feira, setembro 26, 2008

quinta-feira, setembro 25, 2008

[arte] O minimundo de Slinkachu

O artista britânico Slinkachu faz instalações em miniatura nas ruas de Londres que raramente são vistas por quem passa por elas.

Os trabalhos tratam de temas que são parte da vida na cidade, como problemas no trabalho e relacionamentos. Veja o vídeo.

Recentemente, em uma exposição em Londres, as pessoas tiveram uma rara oportunidade de ver o trabalho de Slinkachu.

Normalmente, quando o artista cria suas instalações nas ruas, elas ficam anônimas e dificilmente são percebidas por quem passa por elas.

Antes de deixar os trabalhos na rua, o artista tira fotos. Assim, quem não tem a chance de ver as instalações em miniatura na rua, pode vê-las no blog do artista.




Artista britânico Slinkachu faz instalações em miniatura nas ruas de Londres; veja vídeo

da BBC Brasil

quarta-feira, setembro 24, 2008

segunda-feira, setembro 22, 2008

[cine] As melhores cenas de todos os tempos

Dica do meu amigo Ocrs. Nem estava lembrando de colocar essa aqui, mas realmente é fantásdiga. Sou suspeita para este comentário, mas simplesmente A-MO o figurino. Aliás, não só desta cena, mas do filme inteiro. Brad Pitt e Helena Bonham Carter sempre aparecem muy cool.

quarta-feira, setembro 17, 2008

[cine] A caminho dos Oscar

Taí o tailer do filme Última Parada - 174, do Bruno Barreto, que foi escolhido pelo Ministério da Cultura para representar o Brasil na disputa do Oscar. Quem quiser saber mais, tem uma matéria na Folha Online bem completinha. Eu estava torcendo pro Walter Salles, mas, segundo a Folha, ele não quis entrar na disputa. Pena.

terça-feira, setembro 16, 2008

Ensaio sobre a Cegueira

A minha opinião sobre o Filme "Ensaio Sobre a Cegueira" da dupla Fernando Meirelles e Cesar Charlone, é que o filme não me surpreende. Eu, sinceramente, já esperava um filme maravilhoso. Do ponto de vista fotográfico com os desenfoques, as luzes estouradas até o branco, enquadramentos desequilibrados e as cores desaturadas, ao ponto do roteiro que, horas da vida as descrições do livro, hora deixa para a imaginação do publico (fato que acontece principalmente na literatura).

Agora, parece que José Saramago não esperava o mesmo.

Cada cor tem o seu cheiro

Fazia tempo que não via um videoclipe maneiro. Hoje por acaso eu vi esse: Bossa Nostra, da Nação Zumbi. Eu tava atrás de um vídeo da música que diz "toalha nova não enxuga". Acho muito boa a frase. E queria mandar pra minha mina que diz que os brasileiros fazem música sobre qualquer coisa. Hehe.

Pelo jeito não existe mas dei de cara com esse, belo trabalho de animação e edição. Além disso a música e a letra são maneiras também. Pra mim videoclipes tem que contar alguma coisa que não está na letra da música. Levar ao espectador uma viagem além da proporcionada pelo som e pelas palavras. Eu acho que aqui temos um bom exemplo. O vídeo é do ano passado mas acho que ninguém se importa de ver um videoclipe bom.

E-INK

O que mais será possível? Uma tinta programável? Que acende, apaga, muda de cor e sabe-se lá o que mais? Pois é, acredire se quiser.

segunda-feira, setembro 15, 2008

E-INK

O que mais será possível? Uma tinta programável? Que acende, apaga, muda de cor e sabe-se lá o que mais? Pois é, acredire se quiser.

Eu não sei postar a tela do youtube, mas aqui vai o link: http://www.youtube.com/watch?v=9EWb1zHIx38&eurl=

sábado, setembro 13, 2008

Translated Rap

Agora deu pra entender o que eles falam...

quinta-feira, setembro 11, 2008

Vote no meu broder!

Quem vive em Brasília perde de quatro em quatro anos o melhor programa da televisão. Nada se compara à propaganda eleitoral gratuita dos vereadores.

video

Mas já que estamos falando de candidatos doidos e de amigos por aqui eu vou fazer o jabá do meu candidato. Se trata do Marcio Júnior, da banda Mechanics, e da Monstro Discos, organizador de mais de uma dezenas de Goiânia Noise Festival e algumas mostras Trash de Cinema Independente, além de tantas outras idéias tão disparatadas quanto necessárias. Já estou com o jingle na cabeça e se pudesse ia lá no comício do cara dar um mosh. Pena que proibiram os showmícios senão já estava eleito. Melhor do que outro candidato goiano, o Richard Nixon com certeza ele é.

Vivemos uma época em que tudo é customizado, e não podia ser diferente com os vereadores, que são os representantes mais próximos a população. Meu candidato tem que ser rockeiro doido como eu, fi. Segundo o zine e o imperdível jingle do candidato ele encheu o saco de esperar atitudes de políticos que não o representam e resolveu entrar para política. Tudo isso com a legenda do PC do B, quem falou de anos 80 aqui? E pelo jeito está levando a sério porque até abraço no Íris ele deu.

Pena que eu mudei meu título para Barcelona senão eu podia acreditar em pelo menos um dos meus candidatos. Dia 5 de Outubro, a goianada doida, já sabe.

Meia cinco meia cinco um.
Eu vou votar.
Meia cinco meia cinco um.
É pra mudar.
Meia cinco meia cinco um.
Eu quero ver.
Meia cinco meia cinco um.
Vote em você!!


segunda-feira, setembro 08, 2008

[arte] Duchamp, Man Ray e Picabia

Retrato readymade, os primórdios da interatividade:
Duchamp assinou este espelho de forma
que, quando o espectador se coloca diante dele,
cria uma obra, um retrato com sua firma.

Fui com Michel, este fim de semana, ver a exposição sobre esses três artistas que o Museu Nacional de Arte da Catalunha (Mnac) organiza com a Tate aqui em Barcelona. Gostei demais. 1. porque é uma exposição bastante completa, que reuniu algumas das obras mais importantes deles 2. porque está superdidática, com textos explicativos sobre como a amizade entre os três influenciou suas obras e 3. e mais importante, porque eles são geniais!!

Não vou dizer aqui que Duchamp e Man Ray são dois dos artistas mais transgressores do século passado, encabeçando as grandes vanguardas artísticas que mudaram os rumos das artes plásticas para sempre. Isso todo mundo já sabe. Mas foi lindo ver de onde saíam essas idéias. E como eles se divertiam trabalhando, colocando suas loucuras em prática. Emociona ver a incansável busca por seguir rompendo com padrões mesmo depois de já ter chocado o mundo tantas vezes (basta lembrar do escandaloso urinol de Duchamp).

Marcos do dadaismo: um objeto pré-construído com
status de obra de arte e a Mona Lisa "vandalizada"

Picabia foi o que, artisticamente, me empolgou menos. Mas, lendo o catálogo, não pude deixar de me sentir imensamente atraída pela sua personalidade. O próprio Duchamp assume que foi a amizade com Picabia, os intermináveis encontros e freqüentes diálogos recheados de filosofia os grandes responsáveis pela sua postura contra-padrões diante do mundo artístico.

Para uns foi um ato de rebeldia. Para outros, um passo atrás:
Picabia, no auge dos movimentos vanguardistas,
usou imagens da pintura clássica e sobrepôs com figuras modernos.

Picabia era um playboy fanfarrão. Bonito e rico, pouco se importava com o reconhecimento (coisa que tinha, inevitavelmente). Esse desdém com o mundinho artístico e com a necessidade comercial inspiraram Duchamp (que por sua vez inspirou Man Ray) durante toda sua carreira.

Duchamp era um rebelde, queria estar fora de qualquer movimento (apesar de ser considerado o pai do Dada) e etiqueta. Nos últimos anos de sua vida, chegou a "deixar" a vida artística. As aspas são porque, na verdade, ele nunca deixou de produzir arte, apenas se afastou do meio. De fato, uma de suas obras mais importantes e inovadoras foi uma que se conheceu depois de sua morte e que ele levava mais de 20 anos elaborando, Etant Donnés.


Man Ray também não nega a grande influência que a amizade com os franceses teve em seu trabalho. Os objetos readymade de Duchamp (como o já citado urinol e a famosa roda de bicicleta) são contemporâneos a seus "objetos de afeto" (como ele os chamava). Estas obras eram compostas por dois ou mais objetos pré-fabricados que, juntos, formavam um novo.

Auto-retrato de Man Ray: Duchamp era obcecado pelos trocadilhos.
Aqui, Man Ray entra no jogo e usa sua mão como assinatura da obra,
jogando com seu nome e a palavra "main" (mão, em francês)

Mais tarde, começou a experimentar com técnicas fotográficas, modalidade pela qual ele é mais conhecido. Também arriscou com o cinema sem chegar a ficar satisfeito com o resultado de seus filmes.


O informativo da exposição faz um resume muito claro da visão que os três artistas tinham do trabalho que realizaram ao longo de suas vidas: "Picabia se tornou cada vez mais cínico em relação ao mercado, enquanto Man Ray tinha a sensação de não ter recebido a devida atenção crítica que sua obra merecia. Duchamp, satisfeito com manter-se à margem, preferia ficar na candestinidade".

Quem estiver por Barcelona deve ir ver esta exposição. É uma aula de vanguarda. E emocionante ver a sólida amizade entre os três artistas. E como - talvez como em nenhum outro caso na história da arte - este relacionamento impulsionou carreiras e criações tão brilhantes.

A VOLTA AOS ANOS 80

Em 1995 os anos 80 ainda nem tinha morrido... E meu amigo Paulinho Madrugada veio então com essa história de que os anos 80 já eram um clássico... e fez a primeira festa "A volta aos anos 80". Hoje, sua festa é a maior e mais tradicional festa flashback do Brasil, com 25 edições realizadas em 13 anos com público total de mais de 120.000 pessoas. Trabalhei com ele durante muitos anos em diversos eventos, mas a dos anos 80 sempre tinha um sabor especial porque quase sempre caía no meu aniversário e o Paulinho descolava um "camarote" pra "caravana do chuis"... e íamos de ônibus escolar alugado!! Hahhaha

Estamos pensando em trazer esta festa a Barcelona e a París. O que você acha?








www.festa80.com.br

sábado, setembro 06, 2008

Amizades incandecentes

Existem duas pessoas em São Paulo que não se conhecem. Os dois tem em seus gens nipônicos uma fonte interminável de boas idéias sempre muito bem realizados. Cada vez que lançam seus projetos eu penso, quantas horas têm o dia desse cara? Aliás lançam suas coisas, projeto é coisa de vagabundo como eu. Enquanto estou fazendo meus desenhinhos os caras estão fazendo coisas que realmente importam. Um desses caras é o CISMA. Não vou gastar teu tempo descrevendo o Cisma. Pois é com isso que o cara trabalha: tempo e imagens. Melhor entrar logo nesse site e ver o que o cara é capaz de fazer. E ficar bolado com as coisas legais que se podem fazer com a tecnologia a serviço de uma boa idéia. Isso sim, em full screen hd, nada de Youtube...

O outro é esse cara chamado Yury Hermuche que talvez por também ter sangue Libanês deu numa versão moderna de Da Vinci. Impossível catalogá-lo numa única profissão: designer, fotógrafo, escritor, guitarrista, desenhista, etc. Há algum tempo Yury sabiamente decidiu abandonar o mundo corporativo e se dedicar a coisas que realmente importam como as amizades e o rock. Aqui vai o minisite de sua banda que além de ser mostra que Yury entende de Marketing como Dali, canta como Jimi Hendrix e toca guitarra, desenha, e joga bola melhor do que eu. E quem precisa de myspace?

Agora, se quiser disfrutar de verdade eu recomendo ir além dessa janelinha. Vá ao site do FireFriend e ouça seus MP3 gratuitos em fullscreen. É isso aí, amizade. Para alguma coisa tinha que servir tanta multimidia né?

terça-feira, setembro 02, 2008

De marcha con Superman

Superman flagrado na balada depois de tomar uma balinha de Kriptonita... repara na aguinha que ele não larga...



Acaba exagerando na dose de Special K... e sendo "escoltado"...

Passinhos com Mehran

2Pra quem tava aí querendo aprender uns passinhos pro show da Madonna, aí vai uma classe com o meu professor de dança, o Incrível Mehran. Gostei muito da camisetinha pra dentro da calça do cidadão.

Link: sevenload.com

segunda-feira, setembro 01, 2008

Só um pouco mais de Radiohead

Pra quem flipou com o clipe de House of Cards recomendo escutar o disco todo.

Pra quem nao curtiu peço encarecidamente o seguinte:

- Baixe o disco, ou pelo menos só a primeira musica, 15 step

- Calibre os falantes

- Solta o play

- Tente nao escutar a música uma segunda vez

Aos que conseguirem, eu invito a próxima ampola dia desses