sexta-feira, março 07, 2008

[notícias] Olho por olho...

Este blog e eu, pessoalmente, somos TOTALMENTE anti-racismo e qualquer forma de discriminação por nacionalidade, cor, etc. Mas acho que um dente por dente de vez em quando é a forma mais justa de resolver problemas deste tipo:

Cinco homens e três mulheres foram barrados ao desembarcarem, por volta das 21h15, em um vôo da Air Europa. Eles foram enviados de volta às 23h30.

A PF alegou que alguns dos espanhóis apresentavam irregularidades na documentação e outros não haviam declarado o dinheiro que traziam ao país.

O Itamaraty anunciou nesta quinta-feira (6) que estuda adotar medidas de retaliação ao governo espanhol pela detenção de brasileiros no aeroporto de Barajas, Madri.

Nesta quarta, outros dois brasileiros foram impedidos de entrar na Espanha para escala rumo a Portugal. Os dois estudantes de mestrado deveriam apresentar trabalhos em um congresso de ciências sociais em Lisboa.

O número de brasileiros barrados no aeroporto aumentou mais de 20 vezes em um ano e meio, de acordo com dados da embaixada do Brasil na Espanha. Só em fevereiro deste ano, 452 brasileiros foram impedidos de entrar no país.

A reciprocidade diplomática é a adoção por um país de medidas iguais às impostas por outro Estado aos seus cidadãos. Ou seja, como a Espanha barra cidadãos brasileiros em seu território, o Brasil passaria a fazer o mesmo com os espanhóis no Brasil.

O princípio da reciprocidade já foi adotado em 2004 pelo Brasil, mas em retaliação aos Estados Unidos. Um juiz federal determinou que todos os norte-americanos que entrassem no Brasil deveriam ser fotografados e fichados, mesmo procedimento adotado em relação aos brasileiros nos Estados Unidos.

A medida causou protestos de entidades ligadas ao turismo e até a detenção do piloto Dale Robbin Hersh, que no momento da foto segurou o papel com seu número de identificação mostrando o dedo médio. Hersh pagou multa de R$ 36 mil e foi deportado.

Da Folha Online

2 comentários:

Manu disse...

E essa noticia chegou nos jornais dai? Os espanhois tbm tem que estar ciente disso.

Nina disse...

Acho que não, Manu... Os jornais daqui só estão dando eleições!