sexta-feira, fevereiro 02, 2007

[cine] Série Cassavetes - Intro

John Cassavetes (1929 – 1989) não é conhecido como o pai do Cinema Independente Hollywoodiano à toa. Praticamente se pode dizer que foi ele quem inaugurou a técnica da câmera na mão, a valorização dos diálogos improvisados e as produções de grande qualidade e baixo orçamento.

Dizem que muitos dos seus trabalhos foram custeados com a ajuda de cooperativas de amigos e dos cachês dos filme nos quais atuou (alguém pode se lembrar dele como o marido de Rosemary no clássico de Polansky ou como um dos Doze Condenados, de Aldrich).

"Se eu puder, farei filmes com não-profissionais, com pessoas que se permitem sonhar com uma recompensa diferente do dinheiro, pessoas com um desejo frenético de participar de algo criativo sem saberem exatamente o quê. Fazer filmes é prazer em estado puro", afirmava ele.

O fato é que Cassavetes é um revolucionário em uma indústria que até hoje supervaloriza estrelas, grandes temas e efeitos especiais. Em lugar de, como fazia ele, louvar roteiros interessantes, análises profundas sobre os seres humanos e suas relações e interpretações grandiosas de atores quase anônimos.

Tu Casa Mi Casa te convida a acompanhar a série que inauguramos com este post. Serão 5 capítulos comentando suas principais obras. E - não garanto que consigo - mas prometo que vou tentar encontrar os torrents delas. No capítulo 1, “Faces”, de 1968. Para muitos, seu melhor filme.

3 comentários:

O Silva disse...

Ei Nina!!!

amanhã começa um festival cassavetes aqui no cine sesc!!!

quero ver essa série aí... e o festival também...

beijo

Nina disse...

Que legal, hein, Sowglow!!! Não sabia que ia ter festival dele aí em Sampa... Vai mesmo, que ver esse bicho no cinema não é fácil...

Márcio Menezes disse...

Nina,agora que aprendi a fazer comentários e envia-los te digo: gracias pelo texto e pela pureza da informaçao.Quero maissssssssss!!